Vídeo Pop Ciência

New layer...

Portinari - Arte e Meio Ambiente

PORTINARI – ARTE E MEIO AMBIENTE

A exposição Portinari – Arte e Meio Ambiente é composta por 28 réplicas digitais, de alta qualidade, de obras de Candido Portinari (1903-1962) e de oficinas de arte com um trabalho que visa a compreensão da necessidade de cuidarmos do meio ambiente em que vivemos.

Em Portinari – Arte e Meio Ambiente foram selecionadas paisagens, flora e fauna brasileiras, colheitas, o homem brasileiro, compondo uma exposição que, além de mostrar o trabalho do artista pretende emocionar e envolver os visitantes, mobilizando-os, e, através da arte, despertá-los para a importância de transformar o mundo em que vivemos em um espaço que, nas palavras de Portinari, se traduz no seguinte texto:

O pintor social crê ser o intérprete do povo, mensageiro de seus sentimentos.
É aquele que deseja a paz, a justiça, a liberdade.
É aquele que crê que os homens possam participar dos prazeres do universo.
Ouvir o canto dos pássaros.
Ver as águas dos rios que correm fecundando a terra.
Ver o céu estrelado e respirar o ar das manhãs sem nuvens.
Sem nenhum outro pensamento senão o de fraternidade e paz. Homens vivendo em clima de justiça.
Onde não haja meninos famintos.
Onde não haja homens sem direitos.
Onde não haja mães chorando e velhos morrendo ao desabrigo.

A obra de Candido Portinari é como uma grande carta escrita ao povo brasileiro ao longo de uma vida de gênio, amor e dedicação ao ofício, e, como ele próprio declarou, ela deveria “suscitar em cada homem ou mulher o sentimento da dignidade humana, o da fraternidade e do espírito comunitário”.

Nenhuma atividade é capaz, como a artística, de dar ao ser humano um sentido maior de integração, conscientização e incorporação do seu EU ao seu meio ambiente.

A réplica digital:

A "réplica digital" é resultado de esforços recentes nas áreas de digitalização de imagens coloridas, controle cromático, impressão a jato de tinta, pigmentos e papéis especiais, aerossóis protetores etc. As réplicas digitais atuais apresentam alta fidelidade, cromática e geométrica, ao original, além de exibirem textura própria, decorrente da deposição dos pigmentos em altíssima resolução.

Para que se possa ter ainda maior fidelidade à obra original, as réplicas são emolduradas seguindo o padrão utilizado pelo pintor.